terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Matéria de Telejornalismo - Skinhead Reggae


Skinhead Reggae

Subcultura é definida como um grupo de pessoas com características distintas que as diferenciam  de uma cultura mais ampla, de qual elas fazem parte.
O Skinhead surgiu no final dos anos 60, da mistura dos imigrantes jamaicanos, que moravam nos guetos da Inglaterra, com os jovens ingleses que já admiravam a música negra.
Greg Fernandes, jornalista, mantenedor do site You and Me on Jamboree, e membro da Jurassic Sound, explica as origens do Skinhead Reggae.

Greg:
A relação do Skinhead com a Jamaica começou na década de 60, mais precisamente 62, quando a Jamaica conseguiu a independência da Inglaterra e depois disso houve uma imigração e massa dos jamaicanos para Inglaterra em busca de melhores condições de vida. Chegando lá, eles não tinham dinheiro, moravam nas regiões mais pobres, nos bairros mais pobres e lá tinha uma mulecada que também era do gueto da Inglaterra.

Cabeças Raspadas

O termo Skinhead foi concebido pela mídia para definir esses jovens, que raspavam a cabeça, para se diferenciar dos hippies que estavam em ascenção na época.

Greg:
A coisa de cabeça raspada tem várias versões, nessa época que houve a imigração, e os caras foram morar nos lugares mais pobres, mais baratos, um desses lugares eram regiões portuárias,  que tinham os estivadores que raspavam a cabeça para não pegar piolho com as encomendas que vinham de fora e a outra versão, que é a mais aceitável, era oposição aos hippies.

Segue abaixo vídeo da entrevista na íntegra:

2 comentários:

  1. Informação! Isso é importantíssimo para tirar da cabeça das pessoas que skinhead é sinônimo de racista e gente violenta! Parabéns pela iniciativa! Nós fãs de ska, oi, soul, mod rock etc etc agradecemos! Keep The Faith, bro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu que agradeço, obrigado pelos comentários camarada

      Excluir